Este livro traz a público o resultado do trabalho de pesquisadores brasileiros, argentinos, paraguaios e uruguaios, e é o resultado de um recente aumento de interesse pela história militar e pela Guerra da Tríplice Aliança (1864-1870). Seus autores investigam com profundidade variados aspectos do conflito, recorrendo à bibliografia historiográfica consagrada, mas principalmente à memorialística e às fontes documentais que se encontram em diversos arquivos públicos e privados.

O intuito dos trabalhos foi o de preencher lacunas e superar contradições, imprecisões e mitos que ainda persistem em relação ao assunto e que dificultam a compreensão desse fato histórico comum aos quatro países vizinhos na América do Sul, que atualmente ainda buscam caminhos de integração.

Os trabalhos que compõem este livro incluem um amplo leque de temas e de abordagens, que vão desde os aspectos políticos e estratégicos da guerra, às questões das pensões devidas aos voluntários da pátria desmobilizados, passando pela tecnologia e a doutrina militar, a condução das operações, o papel da imprensa na guerra, a participação de crianças nos exércitos, a iconografia e as comemorações pelo término da guerra na Corte do Rio de Janeiro.

Os autores incluem historiadores já consagrados, novos pesquisadores e militares profissionais. A participação de autores de outros países envolvidos na Guerra da Tríplice Aliança oferece aos leitores perspectivas pouco exploradas na literatura disponível no Brasil. Essa diversidade faz da obra um manancial de informações e interpretações capaz de atender às demandas de historiadores dedicados à pesquisa sobre a política brasileira na bacia do Prata no século XIX, historiadores interessados no estudo das operações militares e das instituições armadas, militares profissionais e público em geral.

UMA TRAGEDIA AMERICANA: A GUERRA DO PARAGUAI SOB NOVOS OLHARES

R$ 99,00Preço